quinta-feira, 8 de maio de 2014

Poema – Simon Armitage



O Frank O’Hara estava aberto em cima da mesa
mas fui direto para a agenda telefônica.
Nick tinha saído, Joey tinha um compromisso, Jim 
já estava mesmo preparando um café, por que eu não

dava um pulo lá? A Astrud Gilberto
cantava “Bim Bom” no meu walkman da Sony
e o sol começava a secar a ardósia úmida nos
telhados. Entrei sem tocar a campainha

e ele ainda não tinha se trocado nem se barbeado quando
completamos a xícara de café com o Scotch do seu velho
(eram só dez e meia da manhã mas e daí?)
e saímos para a varanda com o jornal.

Os Talking Heads tocavam no rádio. Eu
ia começar a falar de futebol quando ele 
disse: “Olha, será que você me ajuda a esvaziar 
o armário dela?” Eu disse: “Claro, Jim, estou do seu lado.”

Sem comentários:

Publicar um comentário