sábado, 8 de outubro de 2011

Nada, mas nada mesmo – Francisco Alvim



tem a menor importância


Nem antes
Nem depois
Nem durante







Francisco Alvim nasceu em Minas Gerais e tem 72 anos. Francisco Alvim acaba de publicar O metro nenhum, pela Companhia das letras, de onde saíram este poema e o desenho de Zuca Sardan acima. Seu primeiro livro, O Sol dos cegos, saiu em 1968. Com a ajuda do Heitor Ferraz, completei o álbum de figurinhas com as lindas capas dos seus livros (adoro a capa de Lago, Montanha, feita à mão com pilot e lápis de cera): 




Sol dos cegos [1968]


Passatempo [primeira ed. 1974; segunda ed. 1981]



Dia sim, dia não [1978, c/ Eudoro Augusto]               Lago, Montanha [1981]  

                                              


Festa [1981];                                                                Poesias reunidas [1988]



Elefante [2000]                                                                  Poemas [2004]



O metro nenhum [2011]

Sem comentários:

Publicar um comentário